thebrokencircle5

Círculo imperfeito.

O cinema contemporâneo da Bélgica poucas vezes se fez tão contundente como em The Broken Circle Breakdown. De tom muito diferente da produção conterrânea, tóxica e punk, Ex-Drummer, o filme oferece uma imagem menos negativa do país, e constrói uma ode rústica ao amor, suas glórias e desgraças, tudo ao ritmo de um puríssimo bluegrassbelga/norte americano – acredite se quiser. 

Na história, somos apresentados ao casal Didier e Elise. Ele, aficionado pelos Estados Unidos, é o vocalista e coração de uma banda de bluegrass. Ela, tatuada dos pés à cabeça com temas oldscholl, é uma autêntica pin-up, que convenientemente tem uma belíssima voz. A relação entre os dois se fortalece rapidamente, e uma gravidez inesperada oficializa a união. Mas os problemas surgem quando a filha Maybelle é diagnosticada com uma doença grave, e dali pra frente a parceria deles começa a ser testada de maneira severa, assim como a compreensão e tolerância de suas próprias crenças.

[vc_button title=”Leia a crítica completa no Crítica Daquele Filme!” target=”_self” color=”default” size=”size_large” href=”http://www.criticadaquelefilme.com.br/2014/07/the-broken-circle-breakdown.html”]

 

 

Carregar mais artigos relacionados
Load More By Ronaldo D'Arcadia
Load More In Destaque

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira também!

Star Wars: O Despertar da Força | Acredite no hype. Acredite no despertar da força!

Acredite no hype. Acredite no despertar da força! Devo dizer primeiramente que Star Wars: …