angelo

Woman-Cat-eye

 

Nós saímos dessa vida, sabe? Foi só a gente crescer que decidimos pular fora. Nossa dona não gostou mas… ninguém tem pena de uma velha com sete gatas. Posso acender um cigarro? Obrigada. Ela é, além de viúva, uma fofoqueira de primeira. Ah, ela dá pro seu João da Padaria. O gordo vinha toda semana em casa e nunca trouxe uma sardinha. Brocha. Quero ver o que a esposa dele vai achar quando ler essa entrevista. Otária.

Mas vamos voltar ao assunto, querido. Éramos sete. Eu, Raio-de-Sol, Raio-de-Lua, Estrela, Cometa, Brilhosa e Noturna. Ela curtia horóscopo e achou que dar o nome das gatas com coisas do espaço traria boas vibrações pra casa. Velha louca. Aí você me pergunta: de onde ela tirou meu nome? Acabou a criatividade? Porque, cacete, FOFURA NÃO DÁ. Ai, moço, desculpa, não quero me alterar. Você tem um uísquinho pra acalmar? Ah, eu adoraria, com gelo e uma pitadinha de coca-cola. Muito agradecida.

Foi uma zona quando o Sol nasceu e a gente estava grande. A velha quase morreu do coração. Nós tentamos ajudar a mulher mas logo que ela voltou ao normal veio com nossas velhas coleiras pra cima da gente. Noturna isso, Estrela aquilo, bichanas, amorecos, entre outros apelidos idiotas. Acredita que a vadia tentou me agarrar e apertar minhas bochechas? Ah, não deixei barato. Mostrei minhas garras tamanho família e meus caninos protuberantes. “Fofura, minha gatinha, vem com a titia, vem?” foi a gota. “FOFURA DE CÚ É ROLA”, gritei, e saí correndo de casa. Pulei o muro e, ao perceber que minhas seis mamas deram lugar a um par de peitos volumosos, resolvi roubar um vestido da vizinha e sair dali para nunca mais voltar.

Eu dava no pé e a velha gritava com minhas companheiras, ameaçava chamar o veterinário. Não, eu não faço ideia o que aconteceu com ela, e nem quero saber. Ela sempre cuidou bem da gente, mas tem hora que o gato bate asa e voa, sabe? Tem outro cigarro? Ah, obrigada, estou nervosa com esse flashback todo.

O que aconteceu com as minhas amigas? Olha, eu sei que Raio-de-Sol e Raio-de-Lua são as putas mais bem pagas por esses entusiastas de zoofilia. Essas aprenderam a usar os novos peitos. Cometa está tentando virar cantora em alguns botecos. Estrela casou-se com um buldogue riquinho. Brilhosa e Noturna assumiram um relacionamento homossexual, e convenhamos, não era segredo pra ninguém. Mesmo gatinhas as duas não paravam de se dar banho. Era uma lambeção de dar dó.

Eu? Ah, eu estou procurando uns bicos. Sou a única de raça do grupo todo, mas tenho essa cicatriz aqui, sabe, e ela dificulta bastante minha colocação. Hoje eu sou cobaia em uma fábrica de cosméticos para felinos. Eu gosto muito já que ganho produtos e promoções. Se quero mudar de vida? Claro que sim. Seja virar meio gata meio humana da noite pro dia, seja trocar de emprego. Toda mudança que encoraja a melhoria é boa. Já falamos muito de mim, gatinho, vamos falar de você?

O post Fofura dos Santos apareceu primeiro em Mob Fiction.

Comente pelo Facebook

ARTIGOS SEMELHANTES