paranoia20agent

Eu andava um tanto quanto de saco cheio de animes. Infelizmente era quase sempre a mesma coisa de lutadores fantásticos, menininhas meigas e nem sempre um roteiro interessante. Quando reclamei sobre isso com um amigo, ele foi bem enfático:

“Cara, você está sofrendo porque quer, existe uma variedade de gêneros de animes, claro, você tem que garimpar bastante pra achar algo do seu gosto, mas o japonês tem essa mídia tão aplicada na sociedade, que o que mais tem é anime que talvez não tenha feito um enorme sucesso. Pega, toma esse aqui e vê o que você acha.”

O tal anime era o Paranoia Agent, exatamente o que eu estava precisando. O anime começa contando a história de Tsukiko Sagi, uma garotinha bem tímida que trabalha como designer de personagens em uma grande produtora de mangá/animes.  Tsukiko criou um personagem infantil, um cachorro para ser mais exato, chamado Maromi. O personagem foi um estouro, o que fez com que a produtora pressionasse Tsukiko para produzir mais sucessos.

Até aqui não há nada impressionante, parece um roteiro normal, mas é agora que a história começa! Quando saía do trabalho, Tsukiko é atacada por um estranho, leva uma pancada na cabeça e fica inconsciente. A ocorrência vai parar nos jornais e faz com que a polícia seja pressionada, algo comum quando alguém dito “importante” sofre algum tipo de violência. Os detetives Keiichi Ikari e Mitsuhiro Maniwa são designados para o caso, mas encontram logo de cara um problema, pois Tsukiko não se lembra do rosto do agressor, lembra apenas que ele portava um taco de baseball dourado e andava de patins também dourado, portando um boné.

Bem, até aqui, como espectador, começa a achar tudo bem estranho! Enquanto nossos amigos policiais estão tentando do seu jeito fazer a nossa doce e extremamente tímida Tsukiko se lembrar de alguma cosa que os ajude na investigação, nosso amiguinho “terrorista” começa a fazer novas vítimas. Com a pressão da mídia, a coisa vai piorando, pois as novas vítimas que são interrogadas vêm sempre com o mesmo relato: um moleque de patins e taco de baseball dourados usando um boné que esconde seu rosto, mais nada.

O anime coloca em questão temas como: a reação a traumas psicológicos que algumas pessoas têm e também como a mídia afeta a vida das pessoas comuns. Quando alguns elementos extremamente cabeçudos e abstratos começam a pipocar na sua tela, você começa a ficar cada vez mais ligado no anime.

Paranoia Agent é uma produção Madhouse, uma das maiores produtoras de animes do Japão, responsável por diversos animes como Sakura Cardcaptors, Chobits, Hunter × Hunter, DNA² , a adaptação do série Supernatural para anime, e pra fechar os exemplos com chave de ouro, Death Note. O mentor, diretor e roteirista é Satoshi Kon,  que esteve envolvido na produção do OVA do Patlabor 2, JoJo’s Bizarre Adventure e Akira.

Você está precisando de mais um incentivo? Então fica aqui o incentivo supremo: são apenas 13 episódios de 25 minutos. Enjoy it!


 

paulo carventeAbout me:

Paulo Carvente (@numfununcia) é um colaborador analfabeto funcional  de humor e gosto duvidoso. Escreve o blog Extremistas Moderados, tem uma memória muito boa para dados e informações absolutamente inúteis e sempre que gosta de um assunto: vai falar, dissertar e filosofar sobre ele até se tornar completamente insuportável.

Comente pelo Facebook

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta