Olá suas delícias maravilhosas!

Eu estou aqui mais uma vez com a missão de apresentar para vocês mais um item da minha lista de “Coisas que o mundo PRECISA ver”, ainda mais se você for fã do morcegão mais temido e amado de Gotham.

Christopher Nolan chutou milhões de bundas com a trilogia do Batman, isso é fato. Desde Batman Begins até The Dark Knight Rises, os fãs (hardcore ou não) do herói não têm do que reclamar. Os filmes ficaram perfeitos e a visão de Nolan para o “reboot” de Wayne trouxe consigo versões de personagens que acabaram ganhando mais força ainda do que já tinham.

E é claro que eu estou falando do Coringa.

Esse é um dos vilões, se não o vilão, mais psicologicamente complexo e complicado que o mundo do cinema/quadrinhos já viu. Com uma aparência característica pela maquiagem de palhaço e cabelos verdes, esse ser anarquista e completamente louco tem um lugar no coração de todos nós.

Não quero entrar numa análise mais profunda do personagem porque isso levaria muito tempo, embora eu esteja muito tentada a isso.

Por mais que Nolan tivesse a intenção de trazer para seus filmes os vilões mais desconhecidos do Batman pela grande mídia como o Espantalho, Bane e Ra’s al Ghul, o diretor não poderia deixar de fora o grande antagonista do morcego. E foi graças ao brilhante trabalho do falecido ator Heath Ledger que o ícone do Coringa ficou mais eterno do que já era.

Essa não foi a primeira vez que o comediante louco foi retratado no cinema, Jack Nicholson já assumiu a responsabilidade de interpretar o Coringa em “Batman”, no ano de 1989. Mas foi em 2008, com “The Dark Knight”, que surgiu a melhor versão do antagonista, na minha humilde opinião.

Mas por que eu estou me delongando a respeito do Coringa? Simples. Com a interpretação de Heath Ledger e o furor que isso causou na internet, além das milhares de fantasias de halloween, e de fanarts, surgiram também os fanvideos. Curtas feitos por fãs sobre algum tema específico.

Conforme eu disse antes, o Joker de Heath Ledger é memorável. Para conseguir desenvolver o personagem, que tem uma psique extremamente complicada e complexa, o ator teve que se trancar num quarto durante semanas só para criar o jeito de falar, andar e se comportar do antagonista. Manteve tudo anotado num caderno para referência.

Imitar isso não é fácil. Mas Scott McClure, depois de muito trabalho, conseguiu representar uma das atuações mais memoráveis que eu já vi. Sim, ele conseguiu trazer o Joker de Ledger de volta à vida.

Ah Bia, isso é exagero!

Não é não. Eu desafio vocês a conferirem “The Joker Blogs” e me falarem que não está parecido. Esse projeto, idealizado, dirigido e escrito por Scott, é de fã para fãs.

A série de vídeos no youtube conta, a princípio, como são as sessões de tratamento do vilão com a Dra. Harleen Quinzel. Se você entende um pouco do universo do Morcegão já sabe onde isso vai parar. No entanto, as coisas começam a se desenrolar e o que parecia simples se torna complicado e insano, como tudo que o Joker faz deve ser.

Não tem como não se apaixonar pela websérie. Atualmente com uma temporada de 27 vídeos, que variam de 1 até 20 minutos, The Joker Blogs chama a atenção não só pelo fato de ser um projeto independente que dá um pau em muita produção hollywoodiana, mas sim pela fidelidade da coisa toda com o universo do Batman.

O roteiro é muito bem escrito, com guinadas de enredo que você certamente veria no filme de Nolan por serem fiéis ao personagem responsável por elas. A produção da série também merece os parabéns, a direção de McClure não deixa a desejar e The Joker Blogs é extremamente viciante.

Outra coisa a respeito desse Coringa é que ele também possui a capacidade de te fazer gostar dele. Mesmo com o jeito imprevisível, anarquista e completamente insano, você vai gostar dele. Esse charme destrutivo, típico do personagem, não foi esquecido e somos todos Arlequinas à mercê desse pudinzinho.

Se você gosta de Batman, tá com saudade do Joker do Heath, ou simplesmente quer ver coisas de qualidade uma vez que a indústria cinematográfica anda de mal a pior atualmente, corre pros links abaixo e assista The Joker Blogs. Aproveita que logo mais sai a segunda temporada.

http://www.youtube.com/watch?v=rqbiNFOG36k&list=SPDBAA1376EB30F66C&index=1&feature=plpp_video – Completo mas sem legenda.

http://www.youtube.com/watch?v=Y46DAPocsgI&feature=plcp – Um canal do youtube começou a legendar os episódios, só que vai até o quarto.

Comente pelo Facebook

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta